Você está em Diversos > Artigos e reportagens

Prove que você domina o inglês

Inglês e carreira

Certificados de fluência são cada vez mais valorizados, mas é preciso investir no diploma que melhor se encaixa em seus planos de carreira

Correio Braziliense*

Além de estudar inglês com afinco e exibir essa habilidade no currículo, vá em busca de uma certificação se quiser tirar todo o proveito que esse conhecimento pode lhe dar. Há testes e certificações bem específicos no mercado, como o destinado a gestores de projetos, e outros que avaliam a fluência geral da língua. Por isso, dizem especialistas em carreira, é preciso que o profissional escolha a prova que é valorizada pelas empresas do setor onde planeja atuar (veja quadro abaixo).

Independentemente da certificação escolhida, o profissional deve ter em mente, porém, que não basta conquistar o diploma. No mercado, o importante mesmo é ter inglês fluente e provar ao empregador a capacidade de usar a língua em diferentes situações. É o que garante a vice-presidente da Associação Brasileira de Recursos Humanos (ABRH), Maria Inês Felippe:

- Não adianta mostrar um certificado se a pessoa não tem esse domínio que diz ter. Às vezes, a pessoa fez o exame há muito tempo, não praticou, e o certificado perdeu força.

Aos 16 anos, Isadora Freire Martins, por exemplo, já afia a língua para o mercado. A estudante do Ensino Médio pretende cursar engenharia elétrica e sabe que o inglês é essencial em carreiras ligadas à tecnologia.

- Depois do curso, eu posso fazer uma pós fora do Brasil e não vou precisar me preocupar com certificado - diz Isadora, que se prepara para o segundo teste de proficiência e optou pelos de Cambridge, porque são aceitos em toda a União Europeia.

Para garantir o certificado, ela precisará provar habilidade em leitura, escrita, vocabulário, desenvolvimento de ideias, fala e compreensão auditiva. Maria Inês aprova o cuidado. Segundo a especialista em carreira, uma certificação em inglês é um bom adicional ao currículo, mas não garante emprego. Durante as seleções, o recrutador pode testar o verdadeiro domínio do idioma, iniciando um diálogo em inglês ou pedindo uma redação.

- A pessoa vai ter um documento a mais, mas o empregador não quer diploma, quer prática - avisa a vice-presidente da ABRH.

A escolha certa

Confira alguns dos certificados de proficiência em inglês voltados para habilidades profissionais.

Inglês Britânico

> Organizador: Cambridge ESOL

Informações: www.cambridgeesol.org

Business English Certificates: indicado principalmente para profissionais de comércio e/ou negócios internacionais. O teste exige compreensão oral, leitura, redação e conversação. Há três níveis de competência.

Teaching Knowledge Test: recomendado para professores de inglês. É composto de três módulos independentes.

International Legal English Certificate: destinado a profissionais de direito. É preciso ser capaz de usar o idioma em situações do cotidiano, como reuniões e redação de propostas e memorandos.

> Organizador: British Council

Informações: www.britishcouncil.org.br

International English Language Testing System (IELTS): solicitado pela maioria das universidades do Reino Unido, Austrália e Nova Zelândia, além de ser reconhecido no Canadá e EUA. Também usado por quem quer imigrar ou trabalhar em países de língua inglesa.

Inglês Americano

Project Management Professional (PMP): oferecido pelo Project Management Institute como forma de capacitação para profissionais de gerência de projetos. inscriçoes: www.pmi.org.

Examination for the Certificate of Proficiency in English (ECPE): certifica a proficiência em língua inglesa oral e escrita. É comumente usado como requisito para ascensão profissional e concessão de créditos educativos em universidades brasileiras.

Graduate Record Examination (GRE): avalia habilidades em inglês, matemática e escrita analítica. Requerido por universidades americanas para ingresso na seleção de pós-graduação. Informações pelo site: www.gre.org.

Test of English for International Communication (TOEIC): avalia conhecimento de compreensão oral e escrita. Indicado para fins comerciais. Informações pelo site: www.ets.org.

Test of English as a Foreign Language (TOEFL): indicado para ingresso em universidades estrangeiras. Programas de bolsas de estudo também o usam para avaliar candidatos. Informações no site: www.ets.org.

*Artigo do Correio Braziliense publicado no caderno "Emprego e Oportunidades" do jornal Zero Hora de 26/04/09.

Como referenciar: "Prove que você domina o inglês" em Só Língua Inglesa. Virtuous Tecnologia da Informação, 2008-2018. Consultado em 18/06/2018 às 10:51. Disponível na Internet em http://www.solinguainglesa.com.br/conteudo/reportagens8.php