Funções Sintáticas dos Substantivos - Syntactic Functions of Nouns

5. Objeto indireto com preposição - Prepositional indirect object:

No Inglês, há dois tipos de objetos indiretos: os com preposição expressa após o verbo e os objetos indiretos com a preposição subtentida, que não vai estar grafada na oração.

- O objeto indireto com preposição é o termo que completa o sentido de um verbo de forma indireta, estando sempre regido de preposição clara e expressa na oração.

Frank sent some money to his mother. (Frank enviou dinheiro à sua mãe.)

I gave a present to Paul. (Eu dei um presente a Paul).

Doris made a pie for the children. Dóris fez uma torta para as crianças.

- Há verbos que em português são transitivos diretos (não há preposição após eles) mas que em Inglês são transitivos indiretos, isto é, são regidos por preposição.

He loves to listen to the radio every day. (Ele ama escutar rádio todos os dias.)

6. Objeto indireto sem preposição - Non-prepositional indirect object:

Ao assumir a função de núcleo (palavra principal) de um objeto indireto, o substantivo será o termo que irá "receber", complementar a ação do verbo de forma indireta. No entanto, diferentemente do que acontece no português, o objeto indireto pode ocorrer sem a preposição expressa no seu início, estando ela subtendida na oração. É o que acontece nas seguintes orações:

Frank sent his mother some money. (Frank enviou à sua mãe uma quantia de dinheiro).

I gave Paul a present. (Eu dei a Paul um presente.)

Theresa made the children a pie. (Theresa fez para as crianças uma torta.)

Tips! - Dicas!
                              3 Maneiras  de identificar o objeto indireto:

   Já que é possível ocorrer no Inglês objetos indiretos tanto com preposição como sem, vejamos como diferenciar o objeto indireto de um objeto direto:

1. Imagine que o "to" ou o "for" aparece depois do verbo, antes do objeto:
Have you sent (to) your mother a postcard yet? (Você já enviou um cartão postal a sua mãe?)
2. O objeto indireto geralmente vem antes do objeto direto. No exemplo anterior, a postcard é o objeto direto do verbo "to send". Your mother, então, é o objeto indireto.

3. Alguns verbos são tipicamente regidos pelo objeto indireto, no entanto, são regidos pelo objeto indireto sem preposição: give, show, buy, lend, send, save, bake, award, knit etc. Exemplos:

- Paloma tried to hand in (to) her teacher the research paper. (Paloma tentou entregar a seu professor a pesquisa.)
- Maria showed (to) her girlfriends pictures of his son. (Maria mostrava para suas amigas fotos do seu filho.)
- Why don't you save (for) your friends seats at Yamandu Costa concert? (Que tal você guardar lugar para seus amigos no show do Yamandu Costa?)

7. Adjunto adverbial com preposição - Adverbial Phrase with preposition:

Quando exercendo a função sintática de adjunto adverbial, o substantivo indicará uma circunstância a qual poderá expressar ideia de tempo, lugar, modo, causa, finalidade, etc. O adjunto adverbial é o termo que modifica o sentido de um verbo, de um adjetivo ou de um advérbio. Observe as frases abaixo, em que o substantivo (noun) é o núcleo do adjunto adverbial com preposição (Adverbial Phrase with preposition):

I'll go to bed in an hour. (Irei para a cama daqui uma hora.)
hour = circunstância de tempo

We went to the beach. (Nós fomos à praia.)
beach = circunstância de lugar

8. Aposto - Appositive:

O substantivo na função sintática de aposto é o termo que se junta a outro de valor substantivo, ou para explicá-lo, ou especificá-lo melhor, dando mais informações sobre aquele substantivo. Vem separado dos demais termos da oração por uma ou duas vírgulas. Exemplos:

Tokyo, the capital of Japan, is a crowded city. (Tóquio, a capital do Japão, é uma cidade abarrotada.)

The school janitor, Mr. Forest, turned on the radiators. (O zelador da escola, sr. Forest, ligou os aquecedores.)

An appositive can be set off by commas, a reader-friendly invention. (Um aposto pode ser destacado por vírgulas, uma invenção amiga do leitor.)

9. Vocativo - Vocative:

Vocativo é um termo que não possui relação sintática com outro termo da oração. Não pertence, portanto, nem ao sujeito nem ao predicado. Serve para chamar, invocar ou interpelar um ouvinte real ou hipotético. Exemplos:

Good-morning, Nick! How are you? (Bom dia, Nick! Como vai?)

Samantha, come to my office, please. (Samantha, venha até a minha sala, por favor.)

Pay attention, kiddos! (Prestem atenção, criançada!)

Nos exemplos acima, os substantivos Nick, Steven e Kiddos indicam e nomeiam o interlocutor a que se está dirigindo a palavra.

    

Como referenciar: "Funções Sintáticas dos Substantivos - Syntactic Functions of Nouns (continuação)" em Só Língua Inglesa. Virtuous Tecnologia da Informação, 2008-2018. Consultado em 25/05/2018 às 11:42. Disponível na Internet em http://www.solinguainglesa.com.br/conteudo/substantivo23.php